Olá, que bom ver você aqui! Espero que esteja bem, e, se não estiver tão bem, saiba que nossa conversa de hoje pode trazer algumas ideias para você melhorar.

Vamos descobrir como?

Hoje venho conversar com você sobre a importância da atividade física. Não sou profissional da área, mas sou uma amante de exercícios e vou falar dos seus benefícios para o nosso corpo. Vem comigo!

Aqui estão alguns deles:

  • Diminuição dos riscos em adquirir diabetes e hipertensão;
  • Agente no tratamento de depressão;
  • Qualidade do sono;
  • Elevação da autoestima;
  • Mais disposição para realizar outras tarefas;
  • Qualidade de vida e bem-estar.

Mesmo sabendo de todas essas vantagens e do quanto são indispensáveis em nosso cotidiano, o sedentarismo ainda é um problema de saúde pública que atinge boa parte da população. Ele está associado a diversos fatores, como por exemplo:

  • Má alimentação e alto consumo de alimentos industrializados;
  • Tempo exagerado na frente do celular, televisão, computador, tablets etc.

Mas calma, estamos passando por um momento bem delicado que nos faz ter medo, ansiedade… Tudo é tão incerto e isso vem afetando nossa mente, saúde e bem-estar, trazendo hábitos não tão saudáveis para a nossa rotina.

Agora, passamos mais tempo em casa e com tanta coisa acontecendo a gente acaba se esquecendo de cuidados necessários para a nossa saúde, como a prática de alguma atividade física, que é tão importante! E mais importante ainda é conciliar isso com uma alimentação saudável, claro que sempre com orientação de profissionais especializados, não é mesmo?

Uma boa alimentação é uma questão de extrema importância para a nossa saúde e bem-estar, pois ela fornece os nutrientes necessários para o nosso organismo, evita o consumo de alimentos ultraprocessados e reduz as chances de a gente adquirir várias doenças, a exemplo da obesidade, uma patologia que traz tantas complicações na vida do ser humano, mas que nem sempre é levada a sério.

E então como fazer para conciliar tudo?

Precisamos buscar um equilíbrio em nossa vida, unir uma boa alimentação com a prática de atividade física, para que dessa forma se tornem constantes em nosso dia a dia. Sem sofrimento, culpa ou comparação, é um processo que exige paciência e muita força de vontade, lembre-se!

Não é só um corpinho bonito que pode resultar de todo esse esforço, mas tantos outros benefícios para o corpo e a mente, que quando estão em sintonia só trazem melhorias para nossa vida.

Claro que haverá dias em que a gente não terá sequer disposição para exercícios, surgirá a vontade de um fast food, o que é absolutamente normal, desde que tenhamos consciência de que isso não deve ser comum e que também não mudará os bons hábitos já adquiridos. Não precisamos ser perfeitos, apenas ter atenção com nossa saúde mental, emocional e corporal, concorda?

Fico feliz que você tenha me acompanhado até aqui e gostaria de lhe dizer mais uma coisa: mexa-se! Que seja uma caminhada, academia, luta, futsal, enfim, o que vale é contribuir com a sua saúde e deixar o sedentarismo de lado.

Ah, e se atente a este detalhe: procure sempre um especialista antes de começar qualquer atividade ou reeducação alimentar, ele vai dar as orientações necessárias para você iniciar essa jornada.

Se precisar de mais motivação, segue um breve relato dos ganhos que tive depois que a prática de exercícios tornou-se constante em minha vida:

Eu gostava muito de futsal, praticava constantemente, até que tive que me mudar de cidade e estado, foi quando perdi completamente o contato com o esporte. Fiquei sedentária e pude notar as consequências disso: comecei a sentir cansaço muito fácil, não dormia tão bem como antes, engordei e fiquei com a autoestima baixa.

Depois, engravidei, após o nascimento de minha filha fiquei quase dois anos acima do peso e sentindo tudo aquilo que citei acima.

Foi quando tive que fazer alguns exames, os quais mostraram algumas alterações, então o médico me recomendou fazer alguma atividade física.

Isso me fez começar e mudar também minha alimentação. Consegui chegar no peso ideal para minha altura perdendo 8 quilos em 4 meses (sempre com ajuda profissional, foi e continua sendo fundamental em minha evolução). Fui muito focada em meu objetivo, mas em nenhum momento me cobrava além do normal, tampouco ficava me comparando com outras pessoas, apenas fui em busca daquilo que eu acreditava.

E quer saber o que aconteceu? Deu muito certo!!! Consegui diminuir o peso, hoje tenho mais disposição e qualidade de vida. Não busco um corpo perfeito, mas uma vida melhor com mais saúde e bons resultados.

Vivo sem culpa, quando me dá vontade vou lá e como uma besteira, não fico triste com isso, pois sei que o que predomina é minha vontade de ingerir comida de verdade, o que é constante em minha rotina.

Espero que você também consiga resultados positivos. Depois volte aqui para me contar! Até o nosso próximo encontro!