Meu querido papai, sabia que te amo muito, que tenho você como minha fonte de inspiração? Sabia que agradeço a Deus todos os dias pela sua existência?

Pois é, papai, parece que não sei me expressar direito, não é? Mas quando te abraço ali está um “muito obrigada”, um “eu te amo”, ali estou expressando todos os meus sentimentos e gratidão por você ser tão presente em minha vida. É uma maneira diferente de dizer que você é o melhor do mundo, mas sei que entende.

Como Deus é maravilhoso não é mesmo, papai? Dá a gente a oportunidade de viver junto e aproveitar tanta coisa legal!

Meu papaizinho, eu gosto muito quando você me pega no colo, me abraça bem apertado e me faz um carinho. Fico tão feliz quando você brinca comigo, quando você se senta para me ensinar alguma coisa e quando me faz sorrir de tanto fazer cócegas. Ai, papai, como te amo!

Não gosto de te ver triste, porque mesmo sem entender o que está acontecendo, fico mal. Gosto da nossa família bem alegre, fazendo muita bagunça e brincadeiras!!!

Sabe, papai, quero te ter pra sempre assim comigo. Até quando eu crescer vou continuar querendo seu colo, brincar contigo e dar as melhores gargalhadas ao seu lado. E quero mais ainda, que a vida só aproxime a gente cada vez mais, com amor, paciência e verdade.

Meu bom pai, você sempre acha muito engraçado quando falo: tá lindão, hein?!

Mas é verdade, sua beleza não é apenas externa, ela está dentro de você e é tão grande, tão grande que contagia todos a sua volta e irradia muito amor por onde você passa.

Ficaria horas aqui falando sobre você e sua importância na minha vida, mas vou finalizar lhe agradecendo. Obrigada por tanta paciência comigo, por tanto amor, por me acalentar quando estou em prantos, por entender quando tenho algum medo, obrigada por ser assim, exatamente assim.

Serei sempre grata a Deus por você existir e por ser essa luz que me guia pelos melhores e mais lindos caminhos.